Cubismo Analítico

Leia este texto para saber o que foi e as principais características desse movimento artístico do começo do século XX.


Juan Gris: um dos principais representantes do cubismo analítico
Juan Gris: um dos principais representantes do cubismo analítico

 

O que foi

 

Foi um movimento artístico, que existiu entre 1910 e 1912, principalmente na França. Ele teve como origem o cubismo cézanniano (1907-1909). Também ficou conhecida como fase hermética do cubismo.

Esse movimento teve como origem a fusão entre o trabalho dos pintores Georges Braque e Pablo Picasso.



Principais características:

 

• Ausência de perspectiva nas pinturas.

• As formas dos objetos são apresentadas num modo plano.

• Os objetos da pintura são apresentados de forma fragmenta e espalhada pela tela. O resultado dá a impressão de uma obra mantada com colagens.

• Representação do volume sobre superfícies planas.

• Geometrização de volumes e formas.

• Apresentação da figura de modo a ser visualizada na sua totalidade.

• Utilização, nas obras de arte, de cores moderadas (neutras) com presença de tons marrons, amarelos, ocres e cinzas.

• Ausência de contrates entre escuro e claro.

• O espaço, a cor e o objeto se tornam autônomos nas pinturas dos pintores desse movimento.


• As obras de arte do cubismo analítico não possuem lógica.


• O artista busca fazer a separação para chegar a compreensão das partes. Esse é o método analítico.


• Falta de diferença entre o objeto retratado e o fundo da tela.

 

Pintura Poeta de Pablo Picasso

Poeta (1911): obra de Pablo Picasso é um dos mais conhecidos exemplos de pintura do cubismo analítico.




Principais pintores que fizeram parte do Cubismo Analítico:

 

- Juan Gris (1887-1927): foi um pintor espanhol.

- Pablo Picasso (1881-1973): pintor, escultor e artista gráfico espanhol.

- Georges Braque (1882-1963): artista gráfico, escultor e pintor francês.


- Henri Le Fauconnier (1881-1946): pintor cubista francês.


- Albert Gleizes (1881-1953): pintor, desenhista, gravador e teórico francês.

 

Exemplos obras desse movimento:

Jarra, garrafa e copo, obra do cubismo analítico

Jarra, Garrafa e Copo (1911): obra de Juan Gris (acervo do Museu de Arte Moderna, Nova York).

 

 

Pintura cubista representando uma mulher

Nua sentada (1910), obra de Pablo Picasso. Exemplo de pintura do cubismo analítico.

 

 



Artigo publicado em 04/07/2020 e atualizado em 15/06/2024

Por Jefferson Evandro Machado Ramos
Graduado em História pela Universidade de São Paulo - USP (1994).




Você também pode gostar de:


Temas Relacionados
Bibliografia Indicada

 

- GOMBRICH, E. H. A História da Arte. São Paulo: Editora LTC, 2013.


- MARSON, Antony. História da Arte Ocidental. Da Pré-História ao Século XXI. São Paulo: Rideel, 2010.


Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.



Copyright © 2004 - 2024 SuaPesquisa.com
Todos os direitos reservados.