Cronologia da Idade Média

Os principais fatos históricos que marcaram a História Medieval e as datas importantes.


Tomada de Constantinopla: fato histórico que marcou o fim da Idade Média
Tomada de Constantinopla: fato histórico que marcou o fim da Idade Média

 

Introdução



A Idade Média é o período histórico que vai do século V ao XV. Tem início com a queda do Império Romano do Ocidente, em 476, e termina em 1453 com a Tomada de Constantinopla pelos turcos otomanos.



Principais fatos históricos da Idade Média 


476 - Bárbaros germânicos invadem e derrubam Império Romano do Ocidente.

 

481 - Clóvis é proclamado rei do Reino Franco. O reinado de Clóvis levou à difusão do Cristianismo na Europa Ocidental.

 

493 - Teodorico funda o reino ostrogodo da Itália.

 

527 - Justiniano assume o trono do Império Romano do Oriente.

 

622 - Fuga de Maomé de Meca para Medina (fato conhecido como Hégira).

 

711 - Início da invasão e conquista dos árabes no sul da Península Ibérica.

 

800 - Carlos Magno é coroado imperador.

 

843 - Tratado de Verdum: estabeleceu a divisão do Império Carolíngio.

 

910 - Fundação da Abadia de Cluny, que simbolizou o renascimento do monaquismo (relativo à vida num mosteiro ou convento) na Idade Média.

 

987 - Hugo Capeto é coroado rei da França.

 

1054 - Cisma do Oriente: divisão da Igreja Católica em Igreja Ocidental e Igreja Oriental (Ortodoxa).

 

1088 - Fundação da Universidade de Bolonha na Itália (mais antiga universidade da Europa), especializada em Direito.

 

1095 - Organização da Primeira Cruzada pelo papa Urbano II.

 

1095 - Concílio de Clermont (reunião eclesiástica realizada pelo Papa Urbano II, na cidade francesa de Clermont-Ferrand, para discutir questões religiosas).

 

1098 - Criação da Ordem de Cister na França. Ela se tornou uma das principais ordens religiosas monásticas católicas da Idade Média.

 

1215 - Assinatura da Magna Carta: este documento, assinado pelo rei João da Inglaterra, foi um passo inicial significativo no desenvolvimento da lei constitucional.

 

1118 - Criação da Ordem dos Cavaleiros Templários.

 

1122 - Concordata de Worms: tratado assinado pelo papa Calisto II e o imperador Henrique V, colocou fim a primeira fase da Querela das Investiduras entre o Sacro Império Romano Germânico e o papado.

 

1163 - início da construção da Catedral de Notre-Dame de Paris.

 

1167 - fundação da Universidade de Oxford, que marcou um importante desenvolvimento na institucionalização da educação

 

1190 - Fundação da Ordem dos Cavaleiros Teutônicos (ordem militar ligada à Igreja Católica).

 

1209 a 1229 - A Cruzada Albigense: esta foi uma campanha militar de 20 anos iniciada pelo Papa Inocêncio III para eliminar o catarismo em Languedoc, no sul da França.

 

1215 - Convocação do primeiro Parlamento Inglês, após a assinatura da Carta Magna.

 

1231 - O papa Gregório IX institui a Inquisição.

 

1265 - Origem do Parlamento na Inglaterra.

 

1309 a 1377 - O Papado de Avignon: também conhecido como Cativeiro da Babilônia, este foi o período em que os papas residiram em Avignon, França, em vez de em Roma, sob a influência da Coroa Francesa.

 

1360 - A assinatura do Tratado de Bretigny: este tratado marcou o fim da primeira fase da Guerra dos Cem Anos, com Eduardo III da Inglaterra renunciando a sua reivindicação ao trono francês em troca de plena soberania sobre grandes áreas da França.

 

1347 - tem início a epidemia de Peste Negra na Europa. A praga varreu a Europa, matando uma porção significativa da população do continente. O auge da praga foi até 1351.

 

1351 - Instituído na Inglaterra o Estatuto dos Trabalhadores, cujo objetivo principal era controlar os salários e o mercado de trabalho no país.

 

1358 - Ocorreram na França várias revoltas camponesas contra a exploração dos senhores feudais. Estas ficaram conhecidas como Jacqueries.

 

1409 - realização do Concílio de Pisa, que foi uma reunião de cardeais, teólogos e bispos para por fim à divisão que ocorria na Igreja Católica (Cisma do Ocidente).

 

1415 - os portugueses conquistam a cidade de Ceuta. Tem início o período das Grandes Navegações e descobrimentos marítimos.

 

1337 a 1453 - Guerra dos Cem Anos entre Inglaterra e França.

 

Imagem de uma batalha da Guerra dos Anos

Guerra dos Anos: um dos principais eventos históricos ocorridos na Idade Média.



1378 a 1417 - Grande Cisma do Ocidente (crise ocorrida na Igreja Católica).

 

1429 - Joana D'arc comanda os franceses na conquista da liberdade do domínio inglês.

 

1439 - João Gutenberg, inventor alemão, cria o sistema de impressão de textos através dos tipos móveis. É a invenção da imprensa.

 

1453 - Queda de Constantinopla, também conhecida como Tomada de Constantinopla. Os turcos otomanos invadem e dominam o Império Bizantino (Império Romano do Oriente).

 

1492 - Fim da Reconquista: este foi o período de aproximadamente 780 anos durante o qual vários reinos cristãos da Península Ibérica conseguiram retomar (e repovoar) a Península Ibérica da província muçulmana de Al-Andalus. A Reconquista concluiu com a queda de Granada.

 

Pintura sobre a Queda de Constantinopla

Queda de Constantinopla no ano de 1453.

 

 

 

Veja também:

 

 

 




Por Jefferson Evandro Machado Ramos
Graduado em História pela Universidade de São Paulo - USP (1994).




Você também pode gostar de:


Bibliografia Indicada

 

Fontes de referência:

 

- ARRUDA. José Jobson de Andrade. História Antiga e Medieval. São Paulo: Editora Ática, 1988.

 

- SILVA, Marcelo Cândido da. História Medieval. São Paulo: Contexto, 2019.


Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.



Copyright © 2004 - 2024 SuaPesquisa.com
Todos os direitos reservados.