Língua Espanhola: origem e história

A língua espanhola é a quarta mais falada no mundo.


Língua Espanhola: entre as cinco mais faladas no mundo
Língua Espanhola: entre as cinco mais faladas no mundo

 

Dados gerais


A língua espanhola, denominada de espanhol ou castelhano, vem do ocidente, especialmente do grupo ibero-românico, que foram surgindo a partir do Império Romano. O espanhol é a língua de grande parte dos países que compõem a América Latina, pois estes países foram colonizados pela Espanha, a partir do século XVI.


Em números, o espanhol é mundialmente expressivo, já que conta com cerca de quatrocentos milhões de falantes nativos no mundo inteiro.


Para o idioma ser formado ele passou por três grandes momentos: o castelhano antigo, o espanhol moderno e o contemporâneo que percorre até os dias atuais.



Os dialetos espanhóis


Quanto aos dialetos espanhóis, são inúmeros e consta pelo menos mais de vinte e cinco dialetos na língua espanhola. Além disso, esses dialetos são divididos em dois grupos: os dialetos centro-nortenhos e os dialetos meridionais.




Origem e história


O espanhol surgiu a partir de vários dialetos derivados do latim, os quais eram muito falados na Península Ibérica em meados do século IX. Posteriormente, ele foi se espalhando pelo Reino da Castela (motivo o qual a língua também é chamada de castelhano) e também para o sul da Península Ibérica, na Idade Média. Hoje, o Espanhol é o quarto idioma mais falado no mundo. Contudo, a língua espanhola é uma das seis línguas oficiais da ONU – Organização das Nações Unidas.


O idioma é a segunda língua mais estudada por falantes nativos da língua inglesa, pois foi sempre muito presente na demografia e na cultura popular dos Estados Unidos.

 

Lousa e uma mão com a palavra escrita Español

Espanhol: a quarta língua mais falada no mundo atual.




Países onde o espanhol é a língua oficial:


- Argentina

- Bolívia

- Chile

- Colômbia

- Costa Rica

- Cuba

- Equador

- Espanha

- El Salvador

- Guatemala

- Guiné Equatorial

- Honduras

- México

- Nicarágua

- Panamá

- Paraguai

- Peru

- Porto Rico

- República Dominicana

- Uruguai

- Venezuela



Países e regiões onde o espanhol também é falado, mas em proporções menores:



- Belize

- Estados Unidos da América

- Ilhas Canárias

- Ceuta

- Melilha (cidade autônoma espanhola localizada no norte da África).

- Guiné Equatorial

- Saara Ocidental

- Andorra

- Gibraltar

- Ilha da Páscoa




Curiosidades sobre o espanhol:


- O ladino (judeu-espanhol) e o criollo chabacano são línguas derivadas do espanhol.


- Entre todas as línguas estrangeiras, exceto o português de Portugal e outros países que também falam o mesmo idioma, a língua espanhola é a que mais parece com o português brasileiro.


- Assim como temos a letra M como nossa consoante nasal, a língua castelhana também a tem como letra nasal.


- Além do mais, os verbos são conjugados de forma similar ao português brasileiro: indicativo, subjuntivo, imperativo e potencial. Também pode-se encontrar três formas impessoais: infinitivo, gerúndio e particípio, que entram na composição dos verbos compostos e perífrases verbais.


- O fonema na língua espanhola se diferencia apenas em alguns pontos do espanhol peninsular.


- Os verbos se dividem apenas em três conjugações.


- O espanhol é a terceira língua mais usada pelos internautas, ficando atrás apenas do Inglês e o do Mandarim.


- Os tempos verbais podem ser denominados simples ou compostos.

- Diferente do português brasileiro, na língua espanhola o “u” pode receber trema.


- A língua espanhola sofreu grandes influências de outras línguas devido as suas conquistas. Por isso é possível encontrar no idioma palavras celtas, iberas, ostrogodas, guarani,  visigodas, latinas, gregas, árabes, francesas, italianas, germânicas, astecas, quéchuas, entre outras.

- O idioma espanhol possui mais de 3.000 palavras de origem árabe, devido à ocupação muçulmana da península ibérica durante séculos.

 

 

 




Você também pode gostar de:


Temas Relacionados
Bibliografia Indicada

 

Compreender e comentar um texto da língua espanhola

Autor: Escala Educacional

Editora: Escala Educacional

 

Fonte de referência:

 

- Penny, R. (2002). A história da língua espanhola. Cambridge, Reino Unido: Cambridge University Press.


Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.



Copyright © 2004 - 2024 SuaPesquisa.com
Todos os direitos reservados.