Predação

O que é, resumo, exemplos, animais predadores, curiosidade, definição, como ocorre.


leão: um dos predadores mais conhecidos da natureza
leão: um dos predadores mais conhecidos da natureza

 

O que é (definição)



A predação é um tipo de interação entre organismos vivos. Nessa interação um ser se beneficia ao consumir o indivíduo inteiro (presa) ou partes desse indivíduo.
Nesse sentido amplo, a predação está retratada quando ocorre também a remoção de partes (folhas, flores, sementes) da vítima. No final da interação pode ocorrer a morte da presa, mas não necessariamente. Os diferentes tipos de predadores podem ser definidos de acordo com o que eles consomem:


Tipos de predadores e o que consomem:


- Carnívoros de primeira ordem - consomem animais herbívoros.


- Carnívoros de segunda ordem - consomem animais carnívoros.


- Herbívoros - consomem vegetal inteiro ou parte dele.


- Insetos parasitoides - consomem hospedeiros nos quais os ovos foram depositados.


- Canibais - consomem indivíduos da própria espécie.



Os carnívoros de primeira ordem são aqueles que estão nos níveis inferiores da cadeia alimentar. Já os carnívoros de segunda ordem são os que estão no nível mais alto dela e são chamados predadores de topo. Por exemplo, os leões na savana africana.


Já os insetos parasitoides, embora a expressão lembre parasitismo, não é o caso. O hospedeiro sempre morre. Acontece assim: fêmeas de algumas espécies de vespas e moscas depositam ovos sobre o corpo de outros insetos. As larvas que eclodem dos ovos se alimentam do inseto, que morre após as larvas se transformarem em ninfas.



A predação é capaz de regular a população das presas?


Os ecólogos procuram explicar a interação entre predador e presa fazendo simplificações. Uma delas foi a criação do seguinte cenário:


- Existe uma população grande de presas, muitas das quais são abatidas pelos predadores.


- A população de predadores se beneficia disso e aumenta em número.


- Os predadores passam a ser tantos que acabam causando uma diminuição na população das presas.


- O declínio no número de presas leva a população de predadores a diminuir.


- As presas são menos caçadas e, portanto, sua população volta a aumentar.


A verdade é que não é nada fácil demonstrar que aumentos e quedas populacionais ocorrem na natureza. Quando se encontram exemplos de flutuações como as que foram descritas, é bastante difícil provar que elas são causadas somente pela predação.



Curiosidade


Alguns livros didáticos e artigos científicos usam a palavra predatismo em substituição ao termo predação, que foi livremente traduzido do inglês predation.




Impressão


Predação Temas Relacionados
Bibliografia Indicada

 

Biologia Frente a Ecologia: Relações e Sucessões Ecológicas

Autor: Paulino, Wilson Roberto

Editora: Abril

Ano: 2011

Temas do livro: Ecologia, Relações Ecológicas, Predadores

 


Veja Também


Temas diversos

Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.
Copyright © 2004 - 2019 SuaPesquisa.Com
Todos os direitos reservados.