Silva Alvarenga

Silva Alvarenga foi um poeta do arcadismo brasileiro.


Silva Alvarenga: importante poeta do Arcadismo no Brasil
Silva Alvarenga: importante poeta do Arcadismo no Brasil

 

Quem foi

 

Manuel Inácio da Silva Alvarenga (nome completo) foi um poeta brasileiro do final do século XVIII e início do XX. É considerado um importante poeta da literatura colonial brasileira. Trabalhou também como advogado, jornalista e professor universitário.

 

Nasceu na cidade de Vila Rica, atual Ouro Preto (Minas Gerais) em 1749. Faleceu na cidade do Rio de Janeiro, aos 65 anos, em 1814.

 

Movimento literário que fez parte:

 

- Arcadismo (Setecentismo)

 

Formação acadêmica:

 

- Formado em Direito na Universidade de Coimbra (Portugal).

 

Principais características de suas obras e estilo literário:

 

Suas obras são compostas de poesias e sátiras.

 

Seus textos são caracterizados pela visão crítica e bem-humorada.

 

Presença de coerência formal.

 

Em algumas de suas obras, podemos notar o sentimento nativista, nacionalista e pró independência. Neste sentido, vale ressaltar que Silva Alvarenga foi um importante divulgador dos ideais do Iluminismo no Brasil.

 

Retratou temas típicos do Arcadismo como, por exemplo, a valorização da vida tranquila no campo. Mostrou, muitas vezes, a paisagem bucólica misturada com a exaltação de elementos típicos da natureza do Brasil. Esse aspecto, fez com que muitos críticos literários considerassem ele como o pioneiro do Romantismo no Brasil.

 

Busca, em algumas de suas poesias, a conexão entre a literatura e a música.

 

Presença em algumas poesias, principalmente na obra Glaura, do sentimento amoroso e do erotismo.



Principais obras de Silva Alvarenga:

 

- Desertor das Letras (1774) - poema heroico-cômico

 

- Glaura (1799) - poemas eróticos



Você sabia?

 

- Silva Alvarenga fundou, em 1786, uma associação dedicada ao estudo e debate literário. Porém, ele e os integrantes passaram a discutir temas políticos e defender princípios democráticos. Após ter sido denunciado as autoridades portuguesas, que não aceitava nenhuma ideia contrária ao domínio metropolitano, foi condenado e preso por três anos sob a acusação de ter conspirado contra a Coroa Portuguesa e a Igreja Católica.

 

- Silva Alvarenga usou o pseudônimo de Alcindo Palmireno.

 

Capa do livro Glaura de Silva Alvarenga

Capa do livro Glaura de Silva Alvarenga: um das principais obras do poeta.



Resumo da obra "Glaura"

 

A obra "Glaura", escrita por Silva Alvarenga, é um importante exemplar do Arcadismo no Brasil, movimento literário que teve sua expressão máxima durante o século XVIII. O poema é um diálogo pastoril em forma de ode, que celebra a figura de Glaura, uma pastora idealizada que é amada e idolatrada pelo eu lírico, o pastor Alcindo. Ao longo das estrofes, Alcindo expressa seu amor fervoroso e inabalável por Glaura, que é descrita como uma personificação da beleza e da virtude. Apesar de ser um texto do Arcadismo, "Glaura" apresenta características que antecipam o Romantismo, como o idealismo amoroso e a expressão de sentimentos intensos e pessoais.


O poema é marcado por uma estrutura formal rigorosa e pelo uso de uma linguagem poética que reflete a influência clássica e o desejo de Alvarenga de estabelecer uma literatura nacional que dialogasse com os ideais de sua época.

 

 

 



Artigo publicado em 31/12/2019 e atualizado em 23/05/2024.

Por Elaine Barbosa de Souza
Graduada em Letras (Português e Inglês) pela FMU (2002).




Você também pode gostar de:


Temas Relacionados
Bibliografia Indicada

 

Antologia da poesia arcade brasileira

Autor: Simpson, Pablo

Editora: Lazuli


Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.



Copyright © 2004 - 2024 SuaPesquisa.com
Todos os direitos reservados.