Cinco Reinos dos Seres Vivos

Sistema de classificação em cinco reinos, características, resumo, exemplos de seres de cada reino, representantes, nomes


Seres vivos: classificação em cinco reinos
Seres vivos: classificação em cinco reinos

 

Introdução

 

Esta divisão faz parte de um clássico sistema de classificação dos seres vivos. A classificação dos seres vivos em 5 reinos foi proposta, em 1969, pelo biólogo e botânico norte-americano Robert Whittaker. Ele tem como base as características fisiológicas destes seres. Como existem milhões de espécies de seres vivos, em nosso planeta, este sistema de classificação é extremamente útil. Ele facilita a identificação dos seres, as relações existentes entre as espécies de cada reino, além de ajudar no estudo e entendimento da evolução.

 

Vale lembrar que dentro dos reinos existe um esquema de classificação interno (filo, classe, ordem, família e gênero), cujo objetivo é agrupar as espécies de um determinado reino, de acordo com características específicas.

 

OS CINCO REINOS

 

Reino Animal (Animalia)


Principais características: são multicelulares; não possuem a capacidade de produzir seu próprio alimento; a maioria das espécies (cerca de 95%) são invertebrados; a minoria (cerca de 5%) são animais vertebrados (entre eles o ser humano); possuem a capacidade de locomoção.

 

Exemplos de representantes deste reino: Homem, cão, gato, zebra, leão, cavalo, aranhas, serpentes, lagartos, sapos, caranguejo, escorpião, pato, galinha, gavião, peixes e insetos.

 

Reino Vegetal (Plantae)

 

Principais características: composto pelas plantas; são organismos eucariotos; produzem o próprio alimento através da fotossíntese; maioria das espécies é multicelular; com relação às flores e sementes, algumas espécies produzem e outras não.

 

Exemplos de representantes deste reino: árvores, arbustos, gramíneas, musgos, orquídeas, lírios, palmeiras e samambaias.

 

 

Reino dos Fungos (Fungi)

 

Principais características: a maioria das espécies é multicelular; absorvem alimento de matéria orgânica, morta ou viva; geralmente se desenvolvem em locais com pouca luz e muita umidade; são eucariotas; a reprodução pode ser sexuada ou assexuada (depende da espécie).

 

Exemplos de representantes deste reino: cogumelos, leveduras e bolores.

 

 

Reino dos Protistas (Protista)

 

Principais características: são eucariotas; são organismos intermediários, ou seja, apresentam características de animais (caso dos protozoários) e plantas (caso das algas).

 

Exemplos de representantes deste reino: amebas, flagelados, esporozoários e algas.

 

 

Reino das Moneras (Monera)

 

Principais características: são unicelulares; não apresentam núcleo organizado (são procariotas); são microscópicos (microrganismos); de acordo com a Biologia Evolutiva, foram as primeiras formas de vida que se desenvolveram em nosso planeta.

 

Exemplos de representantes deste reino: bactérias, cianobactérias e arqueobactérias.




Impressão Google+


Cinco Reinos dos Seres Vivos Temas Relacionados
Bibliografia Indicada

 

Seres Vivos e ambiente

Autor: Cleffi, Norma Maria

Editora: Harbra

Temas do Livro: Biologia, Seres Vivos, Reino Fungi, Reino Animal


Veja Também


Temas diversos

Siga-nos no
Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.
Copyright © 2004 - 2017 SuaPesquisa.Com
Todos os direitos reservados.